Tecnologias rígidas e flexíveis - Definição, conceito e o que é

A tecnologia é entendida como o conjunto de processos de trabalho, técnicas e máquinas destinadas a transformar as atividades cotidianas. Da pré-história ao presente, a tecnologia não parou de evoluir. Entre as várias modalidades, existe uma classificação que distingue, por meio da denominação de "hard", as máquinas e dispositivos que uma pessoa observa com facilidade e outra que, com o título de "soft", inclui processos intangíveis que permitem resultados surpreendentes, como uma proposta de ensino educacional.

Tecnologias rígidas

Esta seção inclui máquinas, ferramentas, robôs e redes de telecomunicações. Simplificando, trata-se de coisas tangíveis. Em relação às suas características gerais, podemos destacar duas:

1) são ferramentas inovadoras que permitem facilitar tarefas e

2) proporcionar maior velocidade e eficiência do que os procedimentos tradicionais.

O plástico é um dos materiais mais característicos desse tipo de tecnologia. É uma substância orgânica, de alto peso molecular e que pode ser facilmente moldada. Este material possui uma superfície lisa e impermeável, mas não é um bom condutor de calor. É fabricado com matérias-primas baratas que podem ser facilmente obtidas.

Os plásticos são divididos em dois grupos: termoplásticos e termoformadores. Os primeiros não sofrem mudanças físicas durante a modelagem e permanecem macios em altas temperaturas (essa modalidade é proveniente de materiais de origem vegetal e mineral, como celulose ou polietileno). Os agentes de termoformação são formados a partir de calor com ou sem pressão e é um produto particularmente duro (as matérias-primas mais usadas são resinas).

Tecnologias leves

O produto desse tipo de tecnologia não é tangível, pois seu objetivo é melhorar o funcionamento das instituições e organizações. Esse conceito se aplica a empresas, atividades comerciais ou serviços.

Uma metodologia educacional, um sistema contábil, um procedimento logístico ou uma campanha de marketing são exemplos de tecnologias leves. O importante neles não é o quê, mas como e por esse motivo a idéia de saber como se tornou popular.

Escritórios 3.0 como um exemplo de tecnologia leve

Os espaços de trabalho foram transformados significativamente nos últimos anos. Os escritórios do século XXL têm duas características:

1) os funcionários trabalham telemática sem precisar viajar para um local fixo,

2) existe uma plataforma de produtividade e comunicação agrupada na nuvem virtual e que permite o uso de todos os tipos de ferramentas (power point, excel, email, serviços de conferência via skype ou sistemas de armazenamento on-line).

Os escritórios 3.0 não possuem horários, documentos ou escritórios fixos. Em resumo, graças à tecnologia, o local de trabalho não é mais o local onde as máquinas estão localizadas.

Foto: Fotolia - aynur_sh