Limiar

O que é um limite:

O fim limiar deriva da palavra lumbral, e isso, por sua vez, em latim liminaris, que significa limite ou o que ocorrer primeiro. O limiar é a entrada, o começo, o começo ou o primeiro passo de qualquer coisa ou processo. A palavra limiar tem vários significados.

Na arquitetura, o limiar é a parte inferior ou um degrau da abertura de uma porta de uma casa e a parte oposta ao lintel dela. É também a madeira cruzada no topo de uma baía para apoiar a parede acima.

Na aeronáutica, o limiar é o começo da parte da pista que é utilizável para pouso.

Na psicofisiologia, o limiar é o nível mínimo de sensibilidade de um sentido (toque, olfato, visão ou audição) ou a quantidade ou valor mínimo de um estímulo ou fenômeno do qual a sensação aparece, muda ou desaparece, origina um transmissão de um impulso nervoso e os efeitos de um agente físico tornam-se perceptíveis. Por exemplo, o limiar de som ou audição, que é a intensidade ou frequência mínima que um som deve ter para ser percebido pelo ouvido humano, ou o limiar de luz, que é a quantidade mínima de luz que o olho humano pode detectar no escuro, ou o limiar da dor, que é a intensidade mínima de um estímulo que desperta a sensação de dor.

O limite é a quantidade mínima necessária de sinal de magnitude a ser registrada por um sistema.

Em muitas áreas do conhecimento, existem limites, por exemplo, na batimetria, existe o limiar subaquático, que é o ponto mais próximo da superfície no caminho mais profundo sobre o fundo do mar que permite que a corrente passe de uma bacia oceânica para outra. Na fotografia, existe o limiar da fotografia, que determina os pixels que serão pretos e os que serão brancos na digitalização dos trabalhos em linha. Há também o limiar de pobreza, que é o nível mínimo de renda necessário para obter um padrão de vida adequado em um determinado país, e o limiar de lucratividade, que é o volume mínimo de negócios do qual um produto ou empresa resulta rentável, entre outros.