Significado da tragédia

O que é tragédia:

Tragédia é uma gênero dramático caracterizada pela representação de questões sérias e elevadas que levam seu protagonista a um resultado fatídico.

Além disso, como uma tragédia, também podemos nos referir a uma peça dramática onde os recursos do tragédia grega clássica. A palavra, nesse sentido, vem do latim tragoedĭa, e isso, por sua vez, do grego τραγῳδία (tragodía).

Os autores mais importantes da tragédia grega foram Sófocles, Ésquilo e Eurípides. Atualmente, no entanto, autores como o inglês William Shakespeare ou Goethe ainda são considerados cúspides literários da tragédia..

Por outro lado, uma tragédia também pode ser uma situação infeliz ou um fato infeliz, Pode afetar uma pessoa ou mesmo sociedades inteiras. Desastres naturais, acidentes graves, são eventos trágicos.

Características de uma tragédia

A tragédia, como gênero teatral, é uma expressão literária que se origina no Grécia Antiga. Como tal, foi composta em verso e em tom alto, que representava a história de um personagem que, por paixão ou fatalidade, foi levado à sua queda (morte ou destruição moral).

Nesse sentido, nele predominaram conflitos e paixões humanas. Nele, além dos atores, um coral também participou.

Os temas em que se baseou foram retirados do épico antigo, centrado no sofrimento e nas aventuras da vida humana. Sua representação, por outro lado, gerou no espectador uma resposta purificadora emocional que Aristóteles reconheceu como catarse.

Estrutura de uma tragédia

A tragédia como gênero teatral originário da Grécia Antiga foi estruturada com um prólogo, um párodo, um êxodo e seus episódios:

  • Prefácio: o que precede a entrada do coro;
  • Párodo: canto de entrada do coro;
  • Êxodo: canto que marcou a retirada do coro, e
  • Episódios: partes adequadamente dramáticas da tragédia.

Tragédia e comédia

Tragédia e comédia são subgêneros dramáticos de características muito diferentes.

Nesse sentido, diferem no fato de que, embora a tragédia represente ações elevadas, nas quais as paixões de personagens e deuses nobres se entrelaçam, na comédia predominam os temas leves e os aspectos festivos e bem-humorados da vida, representados por personagens engraçados ou popular, de baixa origem, que riem do riso.

Por outro lado, a tragédia geralmente termina com um resultado infeliz para seu protagonista, enquanto na comédia o final tende a ser feliz.

Tragédia e drama

No passado, drama era um termo que englobava todos os trabalhos do gênero dramático, incluindo, por exemplo, subgêneros tão díspares quanto comédia ou tragédia. No entanto, atualmente a tragédia do drama é geralmente distinguida.

Nesse sentido, a tragédia caracteriza-se pela representação de ações e situações sérias, protagonizadas por personagens nobres diante de suas paixões, e que, em geral, têm um resultado fatídico.

O drama, por outro lado, se tornaria um tipo de representação onde predominam situações tensas e paixões conflitantes, que levam o espectador a uma resposta emocional e que podem ou não levar a eventos trágicos..