Salário

O que é salário:

Um salário, também conhecido como salário, é o pagamento regular que alguém recebe pelo seu trabalho. Como tal, o salário significa a quantia em dinheiro com a qual o empregador paga ao trabalhador em troca de seus serviços.

Do ponto de vista de Direito, como salário é chamado de consideração que um trabalhador recebe em troca de seu trabalho. O valor do referido salário, por outro lado, e as condições e periodicidade do pagamento, devem ser estabelecidos no contrato de trabalho.

Ele salário sempre deve ser em dinheiro, embora esteja também contemplado que remunerações adicionais possam ser recebidas em espécie, valiosas, é claro, em termos econômicos.

Dependendo da legislação ou dos costumes de cada país, o pagamento de salário pode ser diário (nesse caso, é conhecido como "diário"), semanal, quinzenal ou mensal.

Palavra salário, como tal, vem do latim salarĭum, o que significa 'sal' ou 'sal'. Como tal, o pagamento com sal a escravos domésticos era comum na Roma Antiga, pois o sal naquela época era um produto particularmente valioso.

Veja também Salário.

Salário mínimo

Curtir salário mínimo o estabelecido por lei é designado como pagamento mínimo em troca dos serviços de qualquer trabalhador.

Salário base

Curtir salário base é designado o valor fixo que, como remuneração, uma pessoa recebe em troca de seu trabalho. É a partir desse valor que são calculados complementos salariais ou de remuneração adicionais, como antiguidade, incentivos, comissões, prêmios de perigo, bônus por metas ou produtividade, entre outros.

Salário social

Curtir salário social É o que o Estado concede a pessoas que não recebem renda ou têm capacidade econômica para atender às suas necessidades básicas. Nesse sentido, é um benefício econômico concedido regularmente, que garante que as pessoas que não têm recursos possam cobrir suas despesas.

Salário nominal e salário real

Curtir salário nominal É chamado o valor, expresso em unidades monetárias, que um trabalhador recebe em troca de seu trabalho. Ele salário real, por outro lado, indica o poder de compra que o trabalhador possui com o salário nominal, ou seja, a quantidade de bens que essa quantidade de dinheiro pode realmente comprar no mercado. Portanto, um salário nominal alto não implica necessariamente um salário real de alto poder de compra, pois outras variáveis ​​econômicas, como a inflação, entram em jogo quando se considera o poder de compra real do salário..