Putativo

O que é putativo:

Putativo é um adjetivo usado quando as pessoas qualificam um indivíduo como algo que não é realmente, "Irmão putativo"; "Tio putativo".

A palavra putativa deriva do latim putatīvus, que indica "reputação" ou "considerado" Nesse sentido, quando uma pessoa chama outra, por exemplo, como seu "pai putativo" ou "avó putativa", está conferindo a ele uma qualidade que, na realidade, não possui.

É comum as pessoas que mantêm um bom relacionamento de amizade e carinho serem consideradas parentes, mesmo sem serem consanguíneas. Portanto, muitas pessoas mencionam que têm uma família puta ou parentes putativos, como irmãos, primos, tios, avós, pais ou mães.

Nesse sentido, a reputação de um indivíduo como putativo também pode ser considerada como um gesto de carinho, estima ou agradecimento a uma ou mais pessoas em particular..

Entre os exemplos mais conhecidos está o de José, pai de Jesus de Nazaré. Nesse caso, é feita referência ao pai putativo e ao filho putativo.

Crime putativo

Na lei, um crime putativo É a ação que é cometida com a convicção de que é ilegal, proibida ou punível por lei. No entanto, essa ação não é considerada crime ou ilegal, portanto, as autoridades não a consideram crime e a pessoa não recebe nenhum tipo de condenação ou penalidade.

No entanto, a conduta que o indivíduo adota é real, mesmo considerada como anti-valor ou incorreta, mas, não sendo estipulada por lei como crime, não pode ser punida. Por exemplo, a pessoa que comete adultério em um país onde esse ato não é considerado crime.