Significado de publicidade falsa

O que é publicidade enganosa:

Publicidade enganosa é aquele que transmite informações falsas, incompletas ou duvidosas sobre um produto ou serviço para induzir o consumidor a um erro de investir dinheiro em algo que não é realmente o que está exposto.

Publicidade enganosa ele procura que o consumidor tenha uma idéia errada sobre o produto ou serviço oferecido, para gastar dinheiro com algo que talvez não seja prioritário ou não atenda às características expostas.

Nesse sentido, a publicidade enganosa difere de outros tipos de publicidade porque faz uso de alegações falsas em relação às características, benefícios, vantagens e qualidade de um item ou serviço..

Isso acontece porque, além de procurar novos clientes e obter mais receita, você também quer afetar a concorrência. No entanto, as principais vítimas são pessoas que são influenciadas ou manipuladas com informações falsas que as motivaram a modificar e perturbar sua economia.

No entanto, deve-se observar que há um conjunto de leis e agências responsáveis ​​por proteger o consumidor nos casos em que foram enganados ou prejudicados por anúncios enganosos. No entanto, a penalidade ou punição recebida pelas empresas ou pelo publicitário dependerá da legislação que rege cada país.

Características da publicidade enganosa

Abaixo estão as principais características da publicidade enganosa.

  • A mensagem contém reivindicações enganosas de um produto ou serviço.
  • Utiliza expressões ambíguas que geram confusão no consumidor.
  • No discurso evite mencionar o preço real e as condições de compra.
  • Aspectos negativos são omitidos.
  • Informações sobre restrições são omitidas.
  • Os benefícios e vantagens sobre o desempenho do produto ou serviço são destacados.
  • Pode desacreditar ou prejudicar a concorrência de maneira injusta.
  • Procura afetar o comportamento econômico do consumidor.
  • Omita informações importantes para o consumidor.
  • As imagens expostas são muito atraentes, mas, na realidade, podem causar decepção ou desencanto.
  • São oferecidas promessas que não são cumpridas.
  • É desonesto e desleal tanto para o consumidor quanto para a concorrência.
  • Os anúncios publicitários colocam em letras minúsculas as condições sobre a validade da oferta promovida.

Exemplos de publicidade enganosa

Há um grande número de anúncios enganosos. Os mais comuns são aqueles que apresentam imagens de alimentos com um aspecto muito marcante para o consumidor, mas que, na realidade, não atendem às expectativas. Por exemplo, anúncios sobre pizzas, hambúrgueres, sorvetes, entre outros.

Também deve incluir publicidade de medicamentos ou suplementos nutricionais oferecidos como solução para os vários problemas de peso que algumas pessoas sofrem.

Esses anúncios mencionam apenas os resultados rápidos e eficazes, mas não destacam os efeitos colaterais ou riscos que podem gerar no estado de saúde do consumidor, de acordo com sua condição.

Outro tipo de publicidade enganosa são aquelas recebidas diariamente por meio de redes sociais ou outros canais de comunicação, nos quais são oferecidos vários produtos ou serviços que prometem gerar benefícios e bem-estar do consumidor.

Esse tipo de publicação geralmente oferece pouca informação e possui dados limitados sobre a promoção ou oferta, a fim de persuadir o consumidor e fazê-lo assumir um compromisso ou despesa desnecessária.

Veja também Publicidade.