Lento

O que é lento:

Lento é uma palavra em inglês que podemos traduzir para o espanhol como 'lento' ou 'lento'.

Nesse sentido, funciona como um adjetivo, por exemplo: "Ele é um leitor lento”(Ele é um leitor lento).

Também a palavra lento pode ser usado como eufemismo nomear alguém cujas habilidades intelectuais são um pouco retardadas em comparação com o resto; traduziria como estúpido, acordado ou com pouco entendimento.

Por outro lado, lento também pode ser usado como um verbo para significar ficar para trás, atraso ou atraso.

Por seu lado, a expressão lento para baixo significa afrouxar o passo, abrandar ou abrandar.

Movimento lento

Curtir movimento lento, ou em espanhol, 'movimento lento', o corrente cultural que propõe reduzir a velocidade com que vivemos, sujeito ao uso da tecnologia e mecanização de nossas atividades produtivas, para que possamos desfrutar plenamente das atividades que constituem nosso tempo, como fazer uma longa caminhada, compartilhar com outras pessoas, cozinhar, comer, entre outras coisas. Portanto, é um movimento orientado, e não passivo, para conscientizar a maneira como usamos nosso tempo.

Como tal, o movimento lento surgiu como resultado dos protestos ocorridos em Roma, Itália, como resultado da abertura de um McDonald's, em 1986. O livro O louvor da lentidão, de Carl Honoré, É considerado um texto fundador dessa filosofia de vida.

Comida lenta

Curtir comida lenta, ou 'comida lenta', é conhecido um tipo de alimento e filosofia alimentar que se origina como uma reação contra a cultura de fast food, ou 'fast food', emanado dos Estados Unidos. Nesse sentido, promove o prazer da comida, especialmente as variedades típicas e regionais, bem como os modos de vida tradicionais associados à comida. Além disso, ele argumenta que os alimentos, além de serem saboreados lentamente, devem ser compartilhados e desfrutados em companhia. Como tal, o comida lenta É a base fundamental do movimento lento, desde a sua criação, com os protestos na Itália, em 1986.

Câmera lenta

Câmera lenta, que em espanhol podemos traduzir como 'câmera lenta' ou 'inativo', É uma técnica que envolve fotografar uma cena com um número de imagens por segundo maior que a velocidade de projeção, de modo que, quando reproduzida em uma velocidade normal, produz a impressão de se desenvolver mais lentamente.

Nesse sentido, o câmera lenta um efeito visual que acentua a tensão dramática e emocional de uma cena. Como tal, é usado em todos os tipos de produções audiovisuais, tanto na indústria do entretenimento quanto na análise científica. Foi inventado pelo físico austríaco August Musger, em 1904.