Significado de semiótica

O que é semiótica:

Curtir semiótica o disciplina responsável pelo estudo do sinal, isto é, o que é usado para representar uma ideia ou um objeto diferente dele. A palavra, como tal, vem do grego σημειωτική (semeiotiké).

As primeiras noções de semiótica são encontradas no Curso Geral de Linguística, de Ferdinand de Saussure, em que ele concebera a possibilidade de uma ciência responsável pelo estudo dos sinais na vida social.

Como tal, semiótica aborda a interpretação e produção de significado que é gerado a partir do sinal, embora não se trate de significado, que é o campo da semântica; nem das denominações, inclusive verbais, que fazem parte do campo da lexicologia, lexicografia e onomástica; nem é responsável pelos não verbais, que são objeto de atenção à simbologia, iconografia e iconologia.

Nesse sentido, o que a semiótica estuda e analisa são todos fenômenos, objetos e sistemas de significância que concorrem nas linguagens e discursos para produzir significado. Assim, toda produção e interpretação implica uma prática significativa, que ocorre através dos sinais e é especificada nos textos..

Também como semiótico ou semiótico pode ser designado o que pertence ou se relaciona com a disciplina da semiótica: "Ele falou de uma abordagem semiótica".

Semiótica e semiologia

O semiótica É o estudo do signo em geral, enquanto a semiologia é o estudo dos signos da vida social. Nesse sentido, o semiologia Está relacionado à lingüística, pois engloba sistemas de signos humanos (verbais, gestuais, etc.) característicos da vida em sociedade. Assim, a semiologia é a disciplina encarregada de estudar o que uma imagem, um gesto, um comportamento, um objeto ou um conjunto de palavras significa para uma determinada sociedade.

Semiótica em Medicina

Curtir semiótica médica ou semiologia médica sabe-se que a parte do medicamento que estuda e classifica os sinais das doenças as interpreta, classifica e raciocina, com o objetivo de chegar a um diagnóstico e prognóstico.