Monografia

O que é Monografia:

A monografia é uma trabalho escrito, metódico e completo que lida com a descrição especial de uma ciência ou assunto em particular.

A palavra monografia é de origem grega, é composta pela expressão macacos o que significa "único" e graphein que expressa "escrito", portanto, é um documento único escrito.

A monografia tem como principal função informar sobre um assunto específico que pode ser científico ou jornalístico. Abrange tópicos de filosofia e ética, bem como qualquer outro tópico que seja de interesse da comunidade.

As monografias são escritas sob uma regra que regula a apresentação de textos acadêmicos. Com relação a esse ponto, existem vários padrões, sendo os padrões da APA os mais utilizados internacionalmente.

As Normas da APA foram elaboradas pela American Psychological Association e indicam as formalidades e protocolos necessários para trabalhos científicos, como, por exemplo, conteúdo, estilo, citação, referências, apresentação de tabelas e figuras, margens, entre outros..

A monografia pode assumir a forma de teses, relatórios científicos, trabalhos de graduação, pós-graduação, mestrado e textos formais de pesquisa.

Veja também:

  • Tese
  • Tese

Características da monografia

A monografia é caracterizada por apresentar formalmente por escrito um tópico específico com metodologia, uma estrutura ordenada, objetivos claros e informações de fontes confiáveis.

A monografia é realizada em primeiro lugar, selecionando e definindo o assunto a ser tratado, a fim de definir os objetos de estudos e metodologias qualitativas ou quantitativas. Em seguida, passamos a investigar, analisar e coletar informações de diferentes fontes. Com os dados coletados, é elaborado um rascunho que precisará de atenção em coerência, clareza, ortografia e citações bibliográficas para chegar ao trabalho final.

Estrutura da monografia

As partes de uma monografia são as seguintes:

  • Cover: deve seguir a estrutura geral da instituição para a qual foi redigida.
  • Dedicação ou agradecimento: é opcional e pessoal.
  • Índice Geral: indica a estrutura com o número de páginas.
  • Prefácio: Deve indicar a declaração do problema, os métodos de pesquisa e o que se espera concluir do estudo.
  • 1. Introdução: resumir e apresentar os tópicos a serem estudados.
  • Corpo de trabalho: deve conter o desenvolvimento da investigação através de capítulos e seções e informando do geral para o particular. Cada capítulo deve conter: fatos, análise, interpretação, métodos utilizados na obra, gráficos, ilustrações, entre outros.
  • Conclusões: o que é observado com as informações apresentadas.
  • Apêndices ou anexos: informações adicionais, como tabelas, artigos e questionários.
  • Bibliografia: fontes de informação devem ser apresentadas em ordem alfabética.

Em referência ao exposto, é essencial apresentar as informações de acordo com o padrão escolhido.

Veja também Declaração de problemas.

Tipos de monografia

Quanto ao tipo de monografia, ela pode ser agrupada em 3 tipos:

Compilação de monografias: é caracterizado porque, uma vez escolhido e analisado o tópico, o aluno apresenta sua opinião pessoal sobre as informações existentes de um determinado tópico.

Monografia de pesquisa: consiste em estudar um assunto que não foi examinado ou estudado para contribuir com algo novo.

Monografias de análise da experiência: como o nome indica, trata-se de analisar experiências, comparar com outras e tirar conclusões. Geralmente, esses tipos de monografias são observados nas carreiras como medicamento.

Veja também:

  • Projeto de investigação.
  • Diferença entre tese e tese.